domingo, 10 de maio de 2009

Flor de abobrinha gratinada e pavê de maracujá

Devo passar mais um dia das mães longe da minha e para não sofrer convidei alguns familiares do Michele (mamma, papà, cunhado, tio Paulo e família e a nonna no auge dos seus 91 anos) para almoçarem conosco. Cozinhei frenéticamente por toda a manhã, mas valeu a pena - ficou tudo perfeito!
Ainda não aprendi a cozinhar para muita gente, pois estou acostumada a cozinhar para dois, então me estressei um pouco, mas quando todos comeram muito satisfeitos consegui relaxar - até parece que não tem psicóloga aqui em casa - hehehe!
Graças a Deus o resultado foi um sucesso.

Fiz algumas receitas repetidas que sempre fazem "uma bela figura" (como dizem os italianos) por aqui: salada tropical, Torta de queijo, pêra e uva passa (substituí a massa da receita por 2 discos de massa folhada) e risoto de salsão - confiram as receitas, pois vale a pena!
De inédito fiz flor de abobrinha gratinada e pavê de maracujá e , que amo!

FLOR DE ABOBRINHA GRATINADA

Ingredientes:
12 flores de abobrinha (de pequena/média dimensão)
100 gr de mozarela de búfala
50 gr de ricota
1 ovo
20 gr de parmesão ralado (mais aquele para finalizar)
farinha de rosca q.b. (para finalizar)
azeite extravirgem de oliva
sal e pimenta do reino

Modo de preparo:

Limpe as flores de abobrinha, retirando os pistilos e a parte espinhosa, passe velozmente por água fria corrente e enxugue cuidadosamente com papel absorvente para cozinha.

Corte a mozarela de búfala em cubos pequenos, coloque-a numa vasilha junto com a ricota, o parmesão ralado, o ovo, o sal e a pimenta do reino a gosto.

Abra as flores de abobrinha delicadamente, recheie com o composto de queijos. Para fechar torça levemente as pontas das flores. Disponha em um refratário ligeiramente untado com azeite de oliva, salpique a farinha de rosca e parmesão ralado, e finalize com um fio de azeite de oliva.

Asse em forno preaquecido a 200° por cerca de 20-25 minutos. Sirva ainda quente.

Outra deliciosa receita de flor de abobrinha:
Flor de abobrinha com ricota e espinafre
Você também pode encontrar muitas outras receitas no meu Índice de receitas!
PAVÊ DE MARACUJÁ
Fonte:  caixa do Biscoito Champanhe Bauducco 
Tempo de preparo: 30 minutos


Ingredientes (para 8 porções):
3 bananas nanicas bem maduras
suco de 1 limão
1 lata de leite condensado
1 lata de creme de leite (sem o soro)
1 xícara (chá) de suco de maracujá industrializado
1 colher (chá) de raspas de limão (opcional)
100 g de chocolate meio-amargo picado
leite (o suficiente para umedecer os biscoito champanhe)
achocolatado
1 pacote de biscoito champanhe

Variações:
Use polpa de maracujá natural coada ou polpa de maracujá congelada para substituir o suco industrializado.

Modo de preparo:
Corte as bananas em rodelas médias e regulares, regue-as com o suco de limão e reserve.

No liquidificador, bata o leite condensado e o creme de leite por aproximadamente 2 minutos. Acrescente lentamente e sempre batendo, o suco de maracujá em fio, até obter um composto cremoso. Despeje numa tigela, acrescente as raspas de limão e metade do chocolate picado. Misture e reserve.

Misture o leite com o achocolatado e umedeça os biscoitos champanhe nessa mistura.

Arrume num refratário ou taça grande, uma camada fina do composto de maracujá, uma de rodelas de banana e uma de biscoitos. Repita as camadas e termine com o creme de maracujá.

Enfeite com o restante do chocolate picado e leve à geladeira por pelo menos 2 horas.


Outras deliciosas receitas de pavê:
Pavê de chocolate branco
Pavê de doce de abóbora
Você também pode encontrar muitas outras receitas no meu Índice de receitas!

25 comentários:

  1. Léia
    Sua mae è a sua cara!
    Seu almoço è de dar agua na boca, seria capaz de comer essa torta camponesa agora (sao 7.47 da manha!).
    Nossas receitas de ròtulo sao mesmo infaliveis. Quando eu encontrar suco de maracuja vou fazer esse pave.
    Boa semana, baci
    Pati

    ResponderExcluir
  2. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  3. Olá!!!

    Eu também era assim...geralmente cozinho para mim e para o Miguel e apesar de na escola cozinhar diariamente para 200 pessoas, quando recebia alguém ficava super ansiosa e nervosa!...quero que tudo seja perfeito e alguma insegurança da minha parte deixa-me com mil e uma dúvidas...será que gostam deste prato? será que o outro é melhor?...
    Habituada a ter sempre a minha mãe a preparar e organizar todos os almoços e jantares custou-me um bocadinho ter que crescer de repente e passar a ser eu a "dona de casa" com todas as responsabilidades nas minhas mãos...

    Aos poucos isso vai passando e nada como receber pessoas muitas vezes para perder o medo...eheheh:)

    Aposto que ficou tudo delicioso e que no final o seu choro deu numa boa gargalhada!:)

    Pena não poder passar este dia com a sua mãe, eu também só vejo a minha algumas vezes por ano... vocês são super parecidas!!!:)

    Um beijinho enorme!

    ResponderExcluir
  4. Léia, ficou tudo tão perfeito, voce está de parabéns! adorei "conhecer" sua mãe, ela é linda! beijo enorme.

    ResponderExcluir
  5. Parabéns, mas todos somos assim quando acostumado com poucas pessoas na hora de cozinhar para muitos ficamos nervosas.
    Você está de parabéns deve ser um orgulho do pessoal, tanta coisa gostosa.
    Beijos

    ResponderExcluir
  6. Léia,
    Que belo almoço,devia estar tudo delicoso.Gostei muito.



    bjs

    ResponderExcluir
  7. Léia, me gusta mucho comer en familia, alargar la sobremesa... Desde luego debisteis de comer muy muy bien, además del buen ambiente que se ve en las fotos!

    Besos!

    ResponderExcluir
  8. Este comentário foi removido por um administrador do blog.

    ResponderExcluir
  9. Léia

    Lembrei com saudades de quando,minha mãe fazia flor de abóbora frita.Ao ver suas flores,me deu até água na boca.Resolvi então colocar lá no meu blog,a primeira flor do meu pé de abóbora lá da chácara.
    Esse final de semana tem festa no Condomínio,vamos comemorar 20 anos,então resolvi reunir as mais belas fotos que tirei durante vinte anos,para uma exposição.Escolhi algumas para vcs verem...
    Abços
    Sonia novaes

    ResponderExcluir
  10. Muito lindas as duas meninas, gostei de ver, a mesa também bem decorada e a ementa dos deuses, que tenham tido um feliz dia, bjs.

    ResponderExcluir
  11. Léia, que delícia de almoço! Imagino a responsabilidade em cozinhar para a família italiana!!! A relação do italiano com comida é muito forte e tenho certeza que adoraram, as carinhas estão ótimas na foto!
    Sua foto com sua mãe está ótima!
    Um beijo grande!

    ResponderExcluir
  12. Querida Filha Léia

    Obrigada pela homenagem.
    Tanto você como as pessoas que apoiam seu site são muito gentis.

    Estou feliz por ter uma filha tão bela e inteligente.

    Que Deus lhe abençoe e meu querido genro.

    Beijos

    Eliza - mãe

    ResponderExcluir
  13. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  14. Que lindas meninas a mãe e a filha!
    Belo almoço,só pode ter sido um sucesso!
    Bj

    ResponderExcluir
  15. Léia, que bela mesa hem!? família reunida é tudo de bom, e o menu ficou impecável. Parabéns!

    ResponderExcluir
  16. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  17. Léia querida!
    Sua mãe é muito linda! Deu saudades da minha...
    Quanto a comida, eu não posso dizer nada além de que vc é um show! Fico maravilhada com sua criatividade e carinho com os pratos. Pena que estou tão longe, pois queria umas aulas.Hehehe. Beijos para vc.
    Com carinho, Sandra.

    ResponderExcluir
  18. Que bom receber sua visita e conhecer mais um blog que conta um pouco do Velho mundo. E muito bacana ver o blog as pessoas que tbm vivem por aqui.

    bjin

    ResponderExcluir
  19. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  20. Leia, que mãe linda!!
    Como a filha. :)

    Adorei a abobrinha - e tudo!. :)
    O hábito de cozinhar para 2 sempre dá um stress quando a mesa aumenta...
    Mas no fim sempre corre tudo bem!
    :)

    ResponderExcluir
  21. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  22. Esse pavê de maracujá parece um sonho! Vou fazer... o problema é que aqui no Peru - onde eu moro - esses ingredientes são caríssimos. Mas valerá a pena!

    ResponderExcluir
  23. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  24. Pena que quase não acho flores de abobrinha, pois minha mãe tinha plantado, só que ela não tem mais.
    Eu adoro e por aqui é um pouco caro comprar, quando acha.
    Beijos

    ResponderExcluir
  25. Leia: será que você tem uma receita de tiramissu, com ingredientes fáceis de se encontrar aqui no Brasil?
    Sou apaixonada por esta sobremesa, mas ainda não encontrei uma boa receita...

    ResponderExcluir

Comentários, dúvidas e críticas são muito bem vindos, embora os de conteúdo ofensivos e inapropriados não serão publicados!
Obrigada:-)